Minas de Ouro

(a João e Edwiges)

Certa vez foi um rapaz
de Taubaté a Del Rey
Lá, que encanto havia, não sei.
Só sei que tinha uma menina,
e nela, ele só viu beleza
(diria dela mais tarde uma outra mãe:
"uma bonequinha japonesa!").
De seu amor ele tornou-se presa.
Aí tudo ficou mudado:
o moço solteiro quis ficar casado
e de Del Rey veio para Taubaté
aquela menina, agora, dele mulher.
O mundo, que até então parecia certo,
tornou-se, de repente, incompleto;
parecia faltar algo sob aquele teto...
E de tear mineiro o amor teceu vida
Marcelo veio primeiro
Luciana e Verônica em seguida.
E, sorte a minha
ser irmã por puro afeto;
tornei-me assim
feliz tia escolhida.
E a prata do tempo fez chegar
de setenta e sete a dois mil e dois
essa casa de mesa sempre posta
farta de acolhida e amizade saborosa.
E esses versos que hoje lhes escrevo
sejam testemunhas do bem que lhes desejo.



Maria Inês, em 30/07/2002


Voltar
Pousada Recanto Fazendinha - Estrada Municipal Santa Cruz do Rio Abaixo - Km 7,3 - São Luiz do Paraitinga